Empresa de Manutenção de Elevadores – VGuard Elevadores

Procurando alguma empresa para manutenção de Elevadores? A VGuard Elevadores conta com os melhores especialistas e profissionais na área, um atendimento especializado para nossos clientes.

A manutenção de elevadores é descrita no tópico sobre conservação e segurança das áreas comuns de prédios e condomínio. Assim como casos de acidente no elevador ou na piscina de um edifício ocasionados por falta de manutenção, o condomínio será responsabilizado, e mesmo o síndico. Cabe a ele selecionar e contratar a empresa de manutenção da máquina e equipe que fará isso.

Em caso de contratação de funcionários com situação irregular e passível de causa trabalhista, novamente o síndico é exposto. É importante atentar para o contrato de manutenção de elevadores, que deve deixar claro que serviços e peças cobrem o condomínio.

E a segurança dos elvadores?

Veja algumas dicas para você usar o elevador com segurança:

1. Antes de tudo: verifique se o mesmo encontra-se no andar.
Diversos acidentes já aconteceram por causa deste tipo de situação. Hoje, o aviso virou lei

2.  A porta foi programada para fechar no tempo certo, tentar acelerar ou forçar pode danificá-la;

3. Da mesma forma, não utilize objetos que impeçam o fechamento da porta, atrasando seu fluxo;

4. O botão de alarme só deve ser usado em caso de urgência.
Sempre que acionado, você move uma equipe para te socorrer. Então evite transtornos desnecessários;

5. Olhe qual elevador está mais próximo do seu andar e aperte apenas ele;

6. Crianças gostam de brincar, e podem danificar o equipamento.
Dessa forma, nunca as deixe sozinhas no elevador;

7. Se o prédio estiver sem energia ou o elevador travar, ligue para portaria.
Portanto mantenha a calma, um técnico estará a caminho para lhe socorrer;

8. Antes de chamar o elevador, verifique qual sentido ele está indo;

9. O equipamento possui um limite máximo de carga que deve ser respeitado;

10. O elevador tem uma quantidade máxima de passageiros. Por isso não a ultrapasse;

Cuidados com os elevadores

A utilização de elevadores em um prédio exige cautela por parte dos moradores e gestores, afinal, a manutenção precisa ser atualizada para evitar acidentes. Além disso, os residentes devem seguir as regras do elevador, como ele não funciona, será atualizado com manutenção do elevador se não for utilizado corretamente.

1 – Cuidados com o peso máximo

Tanto o limite de pessoas no elevador quando o de carga precisa ser respeitado. O excesso ocasiona risco à segurança dos passageiros, bem como reduz o desempenho do elevador, aumentando os gastos em manutenção. Todos os elevadores precisam, obrigatoriamente, ter uma placa indicando o limite de peso e passageiros.

Segundo a lei que rege a fabricação e manutenção de elevadores em nosso país, (NM 207 para elevadores com casa de máquinas e NBR 16042 para elevadores sem casa de máquinas) cada passageiro equivale a 75 kg. Isso significa que um equipamento que transporta até 8 passageiros possui capacidade de carga de 600 kg.

2 – Limpeza: nada de água em excesso

Todo o cuidado é pouco na hora de limpar o elevador. Por isso, o síndico ou a empresa responsável pela limpeza precisa orientar os colaboradores a não usarem água na limpeza, afinal, o elevador possui muitos componentes elétricos e eletrônicos que podem deixar de funcionar com o contato com a água. Um pano úmido já resolve o problema. Além disso, é necessário tomar cuidado para que a água da chuva não escorra no poço do elevador pela garagem ou portaria.

Desse modo, a checagem periódica da casa de máquinas para evitar infiltrações garante o pleno funcionamento dos elevadores. Caso ocorra um incidente é preciso chamar a assistência técnica do equipamento, bem como desligar a chave geral.

3 – Não forçar a porta do elevador

Esse é um dos maiores problemas na manutenção dos elevadores. As pessoas, por vezes forçam a abertura da porta. Elas são automáticas e há um sensor que indica que o elevador está no andar. Assim, a porta se abre. Caso a porta não esteja exatamente alinhada com o andar, a porta não se abre, mesmo se a pessoa forçar.

4 – Evitar brincadeiras

O elevador é um meio de transporte e é preciso evitar brincadeiras, principalmente para crianças. Pular, correr, bater nas paredes, apertar os botões várias vezes, tudo isso prejudica o funcionamento do equipamento e pode ocasionar acidentes.

5 – Cuidado com os pets

Carregue o seu pet no colo para garantir a boa convivência com os outros condôminos e também para proteger o seu pet, evitando que fique preso na porta ou que algum outro problema ocorra.

Como os elevadores devem ser limpos?

A limpeza dos elevadores é um aspecto muito importante na conservação de um edifício.

Como o elevador passa por muitas manutenções e é uma parte do edifício em que sempre está transportando pessoas, a limpeza dos elevadores deve ser uma prioridade por motivos de manutenção, bem como higiene, conforto ou qualidade de vida.

Nesse material te mostro como deve ser feita a limpeza do elevador, as principais dicas para limpar elevadores de inox, qual a responsabilidade da empresa de manutenção de elevadores na limpeza do equipamento e o que você jamais deve fazer na limpeza dos elevadores.

A única parte que você pode limpar é a cabine do elevador, que dividi da seguinte maneira:

Paredes e porta

Na maioria dos casos, as paredes e a porta de um elevador são feitas de aço inoxidável, portanto a limpeza deste material deve ser feita com muito cuidado e atenção.

Para obter um resultado ideal, perfeito e brilhante, o ideal é sempre revisar com um pano de microfibra, especialmente com um pouco de água ou em um produto específico para o aço.

Durante todo o dia, manchas podem ser formadas, especialmente impressões digitais, sendo uma das áreas mais afetadas.

Nesse caso, o uso de produtos neutros específicos é uma opção a ser considerada.

O aço inoxidável deve ser limpo com sabão neutro e água quente. No final da lavagem, deve ser seco com um pano limpo.

Nunca se deve usar esponjas, lâminas, esfregões de aço ou outro tipo de objetos que possam danificar este material.

Pisos e Espelhos

Tanto os pisos como os espelhos de um elevador são um dos elementos em que mais sujeira é exposta, por isso é outra área em que a atenção à limpeza deve ser máxima.

Para o piso, devem ser aplicados produtos adequados e, no caso de espelhos, o mesmo método de limpeza de janelas deve ser realizado com um limpador de vidros básico.

Um bom limpa vidros e um pano microfibras deve resolver o problema.

Luzes e botões

Para ambas as luzes e os botões do elevador, é normal usar um pano úmido em vez de aplicar um produto que seja corrosivo e possa danificar sua operação.

Os botões devem ser limpos com um desengordurante que não tenha soda cáustica. Deve-se tomar muito cuidado na limpeza da botoeira e seus botões para evitar o risco de queimar algum componente.

Trilhos

Ao limpar um elevador, os elementos mais visíveis são os espelhos, pisos, portas ou botões.

No entanto, é importante ter em mente que a limpeza dos trilhos da porta é muito importante.

Por quê?

Porque é fácil para a sujeira ficar embutida neles. Se eles não forem mantidos limpos, eles ficarão entupidos, fazendo com que o elevador possa ter problemas em seu funcionamento.

O acesso para eliminar essa sujeira é complicado, por isso é conveniente usar uma escova, e depois usar um aspirador de pó que consegue sugar todo tipo de sujeira embutida.

Dica: Escolha um horário em que o elevador é menos utilizado para limpá-lo. Geralmente os horários de pico são de manhã cedo, no horário do almoço e depois no fim da tarde.