Número de ciclistas supera o de veículos motorizados na lagoa da Pampulha!

O canal do Youtube Ciclo Rota BH teve uma experiência interessante em um ponto muito popular na lagoa da Pampulha (Especificamente, fiquei em frente ao mirante de Niemeyer, logo após a igreja).

Durante três finais de semana, Cristiano Scarpelli, idealizador do canal, contou durante 1 hora, o número de bicicletas, pedestres e veículos motorizados (carros, motos, ônibus e caminhão) que passam pelo local. E os resultados surpreenderam bastante!

O número de bicicletas na lagoa da Pampulha já é de quase 1.000 ciclistas por hora, o que já chega perto do dobro em relação aos veículos motorizados (858 bicicletas contra 492 motorizados na última contagem).

Já o número de caminhantes e pessoas correndo é ainda maior, o que somado aos ciclistas, representa 4,1 vezes mais pessoas usando meios não motorizados em relação aos motorizados.

Segundo ele, já não tem nenhum sentido a BHTrans continuar privilegiando o espaço da orla para uma minoria de motoristas, os quais recorrentemente se envolvem em acidentes graves contra os não motorizados.

Para melhor o fluxo na região, ele elencou algumas propostas:

1- Adoção de mão única no entorno da lagoa da Pampulha em todos os dias da semana;

2- Nos finais de semana, restringir o acesso de veículos motorizados em mais pontos da lagoa e não apenas quando de eventos de corrida;

3- Limite máximo de velocidade de 30 km/h, mas de forma efetiva, com colocação de radares e redutores;

4- Alargamento do espaço de pedestres e ciclistas;

5- Melhor tratamento de rotatórias e travessias.

O vídeo com a experiência realizada pode ser visto no Youtube (https://www.youtube.com/c/CicloRotaBH