Como ficará o Trânsito na Pampulha, em BH, durante jogo do Cruzeiro no Mineirão em 25/11 Quinta-feira?

A BHTrans faz operação especial de trânsito e transporte no entorno do Mineirão. A partir das 16h desta quinta-feira (25/11), a BHTrans faz operação especial de trânsito e transporte no entorno do Mineirão devido ao jogo entre Cruzeiro e Náutico, com início marcado para às 20h, próximo a Lagoa da Pampulha.

Segundo a Prefeitura de Belo Horizonte, agentes da BHTrans, Polícia Militar e Guarda Municipal vão monitorar e sinalizar o trânsito na região.

A BHTrans orienta os motoristas sobre a possibilidade de um grande número de veículos nas proximidades do Mineirão e na orla da Lagoa da Pampulha, já que está previsto uma grande concentração de torcedores no local.

Intervenções no trânsito

Será realizada inversão do sentido de circulação na av. Antônio Abrahão Caram, entre a Avenida Coronel Oscar Paschoal e Avenida C. Nesse trecho, ambas as pistas irão operar no sentido av. Antônio Carlos / Orla da Lagoa.

Transporte coletivo

Será disponibilizado o serviço da linha 55 – MOVE Mineirão, saindo da Estação Rio de Janeiro (Plataforma 1B – Avenida Santos Dumont), sentido Praça da Estação. A linha começa a operar a partir das 17h, saindo com intervalos de 15 minutos.

A última viagem para o estádio deixa a estação às 19h30. Na volta, os ônibus sairão do Mineirão conforme a demanda, a partir das 22h.

Além disso, a linha 55 também vai contar com embarque e desembarque na área central, na Estação Rio de Janeiro (que fica na Avenida Santos Dumont, 480) e ao longo da av. Presidente Antônio Carlos, operando nas Estações Senai (Avenida Antônio Carlos, 580), São Francisco (Avenida Antônio Carlos, 3.720) e UFMG (Avenida Antônio Carlos, 6.700).

Na região do estádio, os torcedores irão desembarcar próximos ao portão Norte, na rua Rebelo Horta. Após a partida, os ônibus sairão do Mineirão, na Avenida C.

Via: https://g1.globo.com/mg/minas-gerais/noticia/2021/11/25/veja-o-que-muda-no-transito-na-pampulha-em-bh-durante-jogo-do-cruzeiro-no-mineirao.ghtml